Setor da UFPR de Palotina produz álcool em gel 70% e sabão líquido para auxiliar combate ao Covid-19

Uma iniciativa do Setor Palotina da Universidade Federal do Paraná tem ajudado a comunidade na prevenção do Covid-19. Trata-se dos resultados obtidos com a produção de álcool em gel e sabão líquido. O uso dos dois produtos tem sido amplamente divulgado na intenção de ajudar no combate ao contágio do vírus mundial.


“A ideia surge da missão que a Universidade Federal do Paraná tem em servir a população, com atividades de ensino, pesquisa, inovação tecnológica e extensão. Com o aumento pela demanda de álcool neste momento de pandemia um grupo de professores, técnicos e alunos reuniu-se com um objetivo comum de produzir este produto. A UFPR Setor Palotina possui uma unidade piloto de produção de etanol, que foi adquirida no de 2011”, explica o professor Joel Teleken, um dos profissionais que está à frente dessa ação.


Um prédio está sendo levantado e servirá de usina para que a produção seja realizada da melhor forma possível. “Vale destacar que essa obra, contribuirá muito neste momento mais difícil da pandemia, mas também deixará um legado para ser utilizado na sequência, tanto no treinamento de alunos como na redução de custos dos setores de saúde e segurança da região, que receberão o álcool 70 produzido”, revela Joel. Estão envolvidos neste amplo projeto, professores, técnicos e alunos da UFPR Setor Palotina, a Fundação da Universidade Federal do Paraná (FUNPAR) , Ministério Público do Trabalho (MPT) no Paraná e a Alfândega da Receita Federal do Brasil em Foz do Iguaçu.


A responsável pela análise e aprovação do valor de R$ 281.400,00, para construção da edificação e reinstalação da usina foi a Dra. Margaret Matos de Carvalho. Estes recursos são provenientes de multas aplicadas pelo MPT às empresas da iniciativa privada que cometeram algum tipo de irregularidade, sendo então transferidos para a conta da FUNPAR por doação, conforme previsto no Termo de Cooperação Técnica firmado recentemente entre a UFPR, FUNPAR e Ministério Público - Campanha “Essa Luta é de Todos Nós” – no combate à COVID-19.


Sabão líquido - No combate a COVID-19, uma alternativa a utilização do álcool gel quando este não se encontra disponível, é o emprego de sabões e detergentes para a higienização tanto pessoal como de ambientes. Isso é possível porque o vírus está envolto em uma membrana lipídica, que protege seu material genético. Durante a higienização empregando sabões, a cauda hidrofóbica dessas moléculas se conecta a essa camada lipídica do vírus provocando seu rompimento e fazendo com que as proteínas e demais fragmentos sejam arrastados pela água durante o enxague, causando a destruição do vírus.


Desta forma, também será produzido sabão líquido visando a doação deste produto as comunidades mais vulneráveis do município de Palotina e região. O sabão é produzido à base de álcool, o que aumenta sua eficácia no combate à contaminação do Covid-19, além de ser menos agressivo à pele. Além de sua relevância no combate à pandemia, esta ação também possui um viés sustentável, uma vez que reutiliza óleos residuais gerados nas residências, e que poderiam ser descartados de maneira indevida, contribuindo com a redução de danos ambientais causados pelo seu descarte irregular.




Posts recentes

Ver tudo

Folha de Palotina e região

Empresa Jornalística Folha de Palotina Ltda. - CNPJ 81.680.688/0001-08

Rua Vereador Antonio Pozzan, nº 573 - Centro - Palotina/Paraná - CEP: 85.950-000

(44) 3649-2690 - Jornal impresso semanário

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram