Faciap envia ao governo do PR manifesto com reivindicações econômicas diante do cenário de pandemia

A Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná (Faciap), junto com outras entidades do setor produtivo, elaborou um manifesto com sugestões e reivindicações econômicas diante dos desafios que os empresários têm enfrentado em razão do enfrentamento da pandemia causada pelo coronavírus. O documento foi protocolado nesta sexta-feira (27/03/2020) junto ao Governo do Paraná.

O documento também manifesta apoio ao Governo do Estado e solidariedade a toda a sociedade. E deixa claro que é dever de todos “a preservação da saúde e o cumprimento das decisões dos Poderes Executivos, como as decretações de fechamento do comércio com foco no distanciamento social para evitar aglomerações e o intenso contágio”.


Da mesma forma, coloca que é evidente que o impacto da paralização do comércio traz desafios ainda maiores a toda sociedade, e não somente ao setor produtivo. “Pois, sem conseguir vender e receber clientes, as empresas ficam impossibilitadas de honrar compromissos com fornecedores, e com isso, de pagar salários aos funcionários potencializando o desemprego e afetando a dignidade do cidadão. Para que o cidadão se mantenha saudável, além do acesso à saúde pública, necessita manter sua alimentação e de sua família, sustento este que advém do seu trabalho”, afirma o manifesto.

Assim, pede ao Governo do Paraná, em parceria com os prefeitos, que estude formas de gradualmente permitir o retorno da normalidade social, produtiva e econômica do Estado. E sugere 23 medidas que podem contribuir com isso. Entre elas:

- Foco em estratégia de quarentena e isolamento para os grupos de risco, liberando parte da força de trabalho para retorno às atividades, priorizando, quando possível, o home office;

- Permitir que as empresas operem com horário ampliado, para evitar aglomerações e possam distribuir os atendimentos;

- Determinar o funcionamento das indústrias, do comércio e de serviços, mesmo que seja em regime de escalas com suas equipes alternadas caso o setor produtivo tenha essa possibilidade (adequando a cada tipo de segmento);

- Determinar que os segmentos de serviços, comércio varejista e atacadista, que mantenham o controle de acesso dos clientes respeitando as distâncias mínimas e fornecendo meios para a higienização dos colaboradores e clientes;

- Fornecer equipamentos de proteção para os colaboradores de vendas, produção e entrega, os quais possam, de alguma forma ter contato com outras pessoas;

- Garantir aos colaboradores que se enquadram no grupo de risco fiquem de quarentena, com subsídio financeiro (garantia de salário) pelo Estado.




Folha de Palotina e região

Empresa Jornalística Folha de Palotina Ltda. - CNPJ 81.680.688/0001-08

Rua Vereador Antonio Pozzan, nº 573 - Centro - Palotina/Paraná - CEP: 85.950-000

(44) 3649-2690 - Jornal impresso semanário

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram