Mulheres que Inspiram: Lindinalva Bombazar Zilio


Nasci em Dois Vizinhos (PR), e cheguei à Palotina com 3 anos de idade. Aqui estudei e terminei o curso de Contabilidade no Ensino Médio no Colégio Santo Agostinho. Estudava e trabalhava. Comecei como telefonista e depois como vendedora. Em 2001 casei com Vanderlei Antonio Zilio. Dessa união nasceu Mariana. Minha vida virou do avesso e tive que adaptar-me a uma nova realidade. Mariana nasceu com paralisia cerebral. Eram intermináveis viagens a clínicas, médicos especializados para dar a ela condições de vida o mais normal possível.

Durante alguns anos continuei a trabalhar e contava com o auxílio de minha mãe, que é meu norte, a quem devo muito pela garra e pelo auxílio que me prestava. Precisava pensar em Mariana e analisando a situação, e apesar de gostar muito do trabalho que fazia, decidi abandonar o trabalho para dedicar-me totalmente à minha filha, quanto mais cedo eu o fizesse, melhor seria para ela. Necessitando de atenção especial, Mariana me propiciou um novo olhar para a vida, um novo olhar ao que me cercava. Minha vida começou a ter um novo sentido. Ver o sorriso e o desenvolvimento dela, suas novas descobertas a cada dia, compensou todas as decisões tomadas.

Hoje procuro cuidar um pouco mais de mim, voltei a tirar um momento para mim, para exercer minha condição de mulher, de alguém que vive em uma sociedade que tem uma vida fora de quatro paredes. Preciso disso, pois as dificuldades e os obstáculos mudaram, mas continuam a desafiar e ainda haverá momentos difíceis a serem enfrentados. Cada etapa é um novo começo, recomeço. Minha filha não fará uma faculdade, no entanto quero dar a ela o melhor que puder para lhe propiciar qualidade de vida dentro de suas limitações. Quero muito ter mais um filho, também para que Mariana possa ter companhia o que certamente vai ajudar seu desenvolvimento e amadurecimento afetivo.

Sempre tive anjos em minha vida que me auxiliam nos momentos mais desanimadores e de maior necessidade, quer seja na pessoa de familiares, profissionais que acompanham Mariana, amigos, sempre houve e há uma palavra para reanimar a caminhada. Meu marido, um companheiro ao meu lado, meu direcionamento seguro e tranqüilo, presença e apoio nunca faltaram até na tomada de decisões mais difíceis.

Além da surpresa ao ser escolhida como uma das homenageadas, a alegria em saber que minha batalha é observada, ainda que à distância. Considero a mulher e mãe a âncora da família e mães de especiais são ainda mais fortes e determinadas.

Independente da condição, do que se esteja fazendo ou vivendo nesse momento, cada experiência nos deixa uma lição, aprendemos a evoluir. Praticar a resilência é fundamental, colocar-se no lugar do outro, procurar sempre pensar: o que posso apreender com isso?

Tudo tem seu tempo certo, no tempo de Deus. Aprendo a cada passo e a cada obstáculo, pois essa é a história que Deus programou para minha vida.


Folha de Palotina e região

Empresa Jornalística Folha de Palotina Ltda. - CNPJ 81.680.688/0001-08

Rua Vereador Antonio Pozzan, nº 573 - Centro - Palotina/Paraná - CEP: 85.950-000

(44) 3649-2690 - Jornal impresso semanário

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram