Campanha em Palotina visa combater contrabando de agrotóxicos


A Polícia Militar de Palotina, em parceria com o Rotary Clube de Palotina-Pioneiro, com o Sindicato Rural Patronal de Palotina, a Sociedade Rural de Palotina, ARDEFA (Associação Regional Oeste Paranaense de distribuição de Defensivos Agrícolas) e CSA (Conselho de Sanidade Agropecuária de Palotina) iniciou nesta semana uma campanha que visa o combate e a conscientização dos munícipes em relação a aquisição e o contrabando de agrotóxicos ilegais. O intuito é combater o crime de contrabando de agrotóxico. O comandante da Polícia Militar, Tenente Anderson Luís Aparecido, lembra que o contrabando de agrotóxico faz parte de um ciclo criminoso onde para a logística dos ilícitos são utilizados veículos roubados.

Conforme informações da Polícia Militar, mais de 90% dos veículos apreendidos com contrabandos são roubados ou adquiridos através de estelionatários. Na maioria das operações os policiais são recebidos a tiros pelos marginais. Para que os malfeitores tenham carros para o transporte, famílias passam horas em submissão na mira de uma arma de fogo.

Denuncie - Faça parte desta campanha, caso tomar conhecimento desta prática ilegal, denuncie através dos telefones 190 (Polícia Militar), 181 (Disque Denúncia) ou (44) 3649-1156 (Polícia Militar de Palotina).


Folha de Palotina e região

Empresa Jornalística Folha de Palotina Ltda. - CNPJ 81.680.688/0001-08

Rua Vereador Antonio Pozzan, nº 573 - Centro - Palotina/Paraná - CEP: 85.950-000

(44) 3649-2690 - Jornal impresso semanário

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram