© 2017 por "Empresa Jornalística Folha de Palotina Ltda."

Projeto “Palotina recicla o orgânico” terá recursos para ser implantado


Palotina é uma das 12 cidades do país que foram selecionadas por meio do Edital FNMA/FSA nº 01/2017, da Caixa Econômica Federal em parceria com o Ministério do Meio Ambiente, para seleção de projetos integrados de segregação na fonte e reciclagem da fração orgânica de resíduos sólidos. O Município é o único do estado contemplado com recursos no valor de R$ 698.028,90, do Fundo Socioambiental Caixa, para execução do projeto “Palotina recicla o orgânico”. O prefeito Jucenir Stentzler assinou o termo de cooperação na terça-feira, dia 3, na Superintendência Regional da Caixa Econômica, em Cascavel.

“A construção desse projeto já vinha antes mesmo da abertura deste edital, pois Palotina atendia a todos os critérios necessários para a elaboração do projeto, permitindo que ele fosse selecionado e aprovado”, relatou a professora e idealizadora do projeto, Valéria Iared. “Essa questão dos orgânicos já vem sendo pautado há alguns anos, certamente, mais de 50% dos resíduos que vão para o aterro sanitário é orgânico e este é o desafio deste projeto, apresentar uma forma de reaproveitar este material”, acrescentou.

Intitulado “Palotina recicla o orgânico”, o projeto tem por objetivo a reciclagem do resíduo orgânico, resultando em adubo orgânico na forma de húmus ou chorume, diminuindo consideravelmente o volume de lixo nos aterros sanitários. Além disso, visa fomentar a reciclagem orgânica gerido pelos próprios moradores do município.

O projeto é uma parceria entre a Prefeitura, por meio das secretarias de Agricultura e Gestão Ambiental, Educação e Cultura, Finanças, Planejamento; Universidade Federal do Paraná (UFPR/Setor Palotina), Uespar/Facitec, Rotary Club Palotina Pioneiro e Ministério Público.


Folha de Palotina e região